Pesquisar no blog

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

MAIOR BIODIVERSIDADE DO PLANETA



Uma reserva florestal no noroeste da Bolívia é o local com maior biodiversidade do planeta, segundo um levantamento feito pela entidade internacional de preservação Wildlife Conservation Society (WCS), baseada nos Estados Unidos.



Com mais de 90 espécies de morcegos, 50 espécies de cobras, 300 peixes, 12 mil plantas e 11% das espécies de aves do mundo, o Parque Nacional Madidi, na Bolívia, pode ser o lugar com mais biodiversidade do mundo, de acordo com novas pesquisas do Serviço de Parques boliviano (SERNAP) com ajuda da Sociedade de Conservação da Vida Selvagem (WCS).
Localizado no noroeste da Bolívia, o Parque Nacional Madidi cobre 19 mil quilômetros quadrados, uma área um pouco menor do que Israel. Décadas de trabalho de mais de 50 pesquisadores descobriram 1.088 aves só no parque, mais do que todas as espécies de aves em todo os EUA e mais de 200 espécies de mamíferos, incluindo pelo menos seis espécies de felinos e possivelmente duas mais.
“Com quase seis mil metros de diferença de altitude em Madidi, nenhuma outra área protegida captura a diversidade dos habitats sul-americanos, que levam esses números para cima”, explica Robert Wallace, diretor de programa da WCS, em um comunicado à imprensa.
Ainda assim, muito do que poderiam ser os ecossistemas mais biodiversos do parque – florestas montanhosas e nubladas – continua não pesquisado. Florestas nubladas muitas vezes contêm altos níveis de espécies não encontradas em nenhum outro lugar.
“Esse importante resumo enfatiza o quão desconhecidas as florestas nubladas dos Andes tropicais realmente são. Além da importância de sua biodiversidade e vida selvagem, elas são vitais de uma perspectiva da gestão de água e são esteticamente bonitas”, diz Cristián Samper, presidente e CEO da WCS. A maior ameaça a essas florestas montanhosas são as mudanças climáticas, segundo o grupo.
Madidi não é apenas o único parque que foi descrito como concorrente para a maior biodiversidade do mundo. Outras áreas protegidas incluem o Parque Nacional de Manú, no Peru, e o Parque Nacional Yasuní, no Equador. Todos os três, incluindo Madidi, estão localizados na Amazônia ocidental.
O anúncio foi feito no Congresso Mundial de Conservação da IUCN em Jeju, Coreia do Sul.






Foto: Mileniusz Spanowicz/WCS
Fonte:  Institutocarbonobrasil/ uol.com.br/ g1.com.br/BBCBrasil

Nenhum comentário: