Pesquisar no blog

sábado, 13 de outubro de 2012

CURIOSIDADE CLIMÁTICA


Curiosidade Climática.
Onde localiza o local mais úmido do planeta? E o mais seco? O país mais úmido do mundo é a Índia, pois lá existe o fenômeno das monções. O país onde existem os locais mais secos do mundo é o Chile.




LOCAL MAIS ÚMIDO DO PLANETA
É a cidade de Mawsynram, no nordeste da Índia, que fica em um estado chamado Meghalaya, cujo nome quer dizer literalmente "morada das nuvens" no idioma hindi. Lá, a média anual de chuvas chega a 11873 milímetros, seis vezes mais do que a úmida Manaus (AM), por exemplo. O curioso é que toda essa água costuma cair apenas num período do ano, entre junho e setembro. A explicação para essa concentração são as chamadas monções, fenômeno climático que atinge sul e sudeste asiáticos. "Durante o verão (que acontece no meio do ano na Índia), os ventos que sopram do oceano trazem para o continente uma massa de ar quente e úmido, descarregando chuvas torrenciais. No inverno, os ventos atuam no sentido contrário, reduzindo as precipitações.
Por causa das monções, cerca de 70% das chuvas na Índia caem na época do verão. Nos meses de inverno, quando as precipitações correspondem a apenas 1% do total, pode haver até falta d’água. Outro lugar onde as nuvens não dão trégua é o monte Waialeale, na ilha Kauai, no Havaí, que tem uma média anual de 11684 milímetros de chuva. No Brasil, a região Amazônica é a mais úmida. Nas altas temperaturas do clima equatorial, ocorre uma enorme evaporação da água dos rios amazônicos, favorecendo as constantes precipitações.


LOCAL MAIS SECO
É o deserto do Atacama, no Chile. Nele, cidades como Iquique e Antofagasta só veem chuva forte uma ou duas vezes por século! No município de Arica, um dos mais secos do deserto, a média de chuvas não ultrapassa 0,5mm/ ano. Para efeito de comparação, uma tempestade normal no Rio de Janeiro faz cair 10mm/hora. A explicação principal para a aridez do Atacama é que naquela região é praticamente impossível haver a formação de nuvens de tempestades. A leste do deserto, os quase 5 mil metros de altura da cordilheira dos Andes barram a chegada do vapor d’água que vem da Amazônia. A oeste, as águas frias da corrente de Humboldt, no oceano Pacífico, causam uma inversão térmica na costa chilena que dificulta a formação das nuvens altas que trazem chuva. Mas a secura do Atacama não é sinônimo de calor. Por causa da altitude elevada - cerca de 2500 metros - a temperatura do deserto oscila em torno dos 20 ºC em pleno verão.

Postar um comentário