Pesquisar no blog

sexta-feira, 24 de março de 2017

ORIGEM E FORMAÇÃO DA TERRA


Para alcançar o nível de evolução no qual encontra o planeta hoje, foi preciso milhões de anos para que esse se configurasse e pudesse oferecer condições para o desenvolvimento da vida. Com idade estimada de nada menos que 5 bilhões de anos, a terra é um dos vários mistérios que cientistas do mundo todo se deparam sem ter muitas chances de descobrir a verdade, sendo que ainda existem muitos mistérios a respeito de vários períodos de sua formação.

 

A formação da terra está contextualizada dentro de um período de teorias controversas, que dão margem para muitas discussões e quase nenhum esclarecimento. Porém, nem tudo são sombras. Existem muitos pontos da história da terra que conhecemos, muitas informações que conseguimos descobrir e muita coisa que é possível aprender. É claro que mesmo sem as datas exatas, conseguimos estimar as várias fases que aconteceram na evolução do nosso planeta, dando uma noção real de como aconteceu a formação da terra, suas nuances e os seus períodos mais importantes.  Na história da formação da terra, temos aproximadamente 5,4 bilhões de anos da mais pura escuridão, que não temos indício nenhum sobre o que foi feito. Desta época, só temos certeza que houveram gases, chuvas de meteoros e muitos processos de aquecimento e resfriamento, em um movimento cíclico que acabou originando a crosta terrestre, o nosso ponto de partida. A crosta terrestre começou a se formar há 600 milhões de anos atrás. Inicialmente, ela era instável, mais gasosa do que sólida, até que o efeito de aquecimento e resfriamento foi se tornando menos comum, solidificando essa crosta e dando origem a uma grande massa de terra: a Pangeia.

PANGEIA
A Pangeia foi o supercontinente que deu origem aos continentes que temos hoje. Mas este supercontinente não nasceu da noite para o dia. Foram 350 milhões de anos até que ele se solidificasse, emergindo do meio da água em cima de placas tectônicas que garantiam sua elevação, mas que por conta dos movimentos constantes, foi se separando, dando origem aos continentes que conhecemos agora. Novamente, isso não foi da noite para o dia, e apenas há 150 milhões de anos atrás é que América do Sul, África e o sul da Europa começam a se separar, desmembrando a Pangeia. Neste movimento que se iniciou, cerca de 110 milhões de anos depois, surgiram os continentes que conhecemos hoje, separando a grande massa de terra em pequenas partes, que sempre se movimentaram lentamente em cima das placas tectônicas, caminhando sobre as águas e se tornando um importante momento na formação da terra.


A BIOSFERA
A biosfera (bio = vida), a nossa “esfera de vida”, é o ambiente onde vivemos, onde a vida surge e se mantém, brotando dos solos, penetrando nas águas e flutuando no mar. Ela é formada por três grandes porções: a atmosfera, a hidrosfera e a litosfera ou crosta terrestre.
  • A atmosfera (atmo = gás, vapor) é uma grossa camada de ar que abriga as nuvens e dá calor ao céu. Fornece o ar que respiramos e atua como um “cobertor”, protegendo e cobrindo a Terra.
  • A hidrosfera (hidro = água) é formada por grandes quantidades de água na forma líquida: os rios, lençóis de água subterrâneos, lagos e oceanos. Esta porção fornece a água de que tanto precisamos. A hidrosfera apresenta também água no estado sólido (gelo) localizada nas regiões onde a temperatura é abaixo de zero graus Celsius, como nos polos.
  • A litosfera (lito = pedra) as montanhas, os desertos, as planícies, outras áreas de terra firme e até alguns quilômetros abaixo da superfície do solo fazem parte da litosfera ou crosta terrestre. Nossas riquezas naturais (ex: ouro, ferro, alumínio, petróleo, etc.) e outras matérias-primas para diversos fins nas indústrias são retiradas desta porção.
No entanto, o ar, a água e o solo não são suficientes para nos manter vivos. Há outros fatores importantes para a vida, como a temperatura, a luz, a salinidade, a pressão, etc. É importante saber que, a quantidade de cada um desses fatores e o tempo de exposição aos mesmos variam em cada ambiente da Terra, proporcionando as mais variadas formas de vida. É só você imaginar os animais ou plantas que vivem em um deserto e compará-los com os que vivem nas florestas, que notará grandes diferenças de hábitos e características 


A FORMA E ESTRUTURA DA TERRA

FORMA
Durante muito tempo, o homem teve dúvidas quanto ao formato da Terra. Somente depois de observar fenômenos naturais, como os navios que sumiam lentamente no horizonte, as posições das estrelas no céu e eclipses, o homem constatou que a Terra é “arredondada”. Atualmente, fotos da Terra registradas por satélites, ônibus espaciais, ou pelos próprios astronautas da Apollo 11, que chegaram pela primeira vez à Lua em 20 de julho de 1969, não deixaram dúvidas quanto à sua forma. O que há dentro da Terra? E lá bem no centro dela? Como descobrir isto se perfurações feitas pelo homem, com sondas, só chegaram a treze quilômetros de profundidade, quando a distância até o seu centro é de aproximadamente seis mil quilômetros?

ESTRUTURA
Foi observando os vulcões e os terremotos, que o homem ficou sabendo o que havia no interior da Terra. Por enquanto, não se conseguiu efetivamente chegar ao seu centro. A dureza de certas rochas sob pressão e as altas temperaturas são as maiores dificuldades encontradas. Então, para se saber o que há no interior da Terra, foram analisadas as amostras retiradas de perfurações e a própria lava dos vulcões. Mas, isso não foi suficiente. Os cientistas tiveram, então, que fazer estudos mais complexos. Passaram a estudar as vibrações produzidas pelos terremotos ou provocadas por explosivos ou, ainda, simulações feitas em laboratórios.
  •  A viagem ao centro da Terra nos revela primeiramente uma casca que a envolve, a crosta terrestre ou litosfera. Esta primeira camada tem em média quarenta quilômetros de espessura, e é formada por várias placas, de onde surgem os continentes.
  • A segunda camada chamada manto ou pirosfera (piro = fogo), que está mais para dentro, é formada por rochas derretidas que formam o magma. Esta massa pastosa e em altíssima temperatura, quando expelida pelos vulcões, chama-se lava.
  • O núcleo ou barisfera (bari = pressão) é a camada mais interna. É formada por ferro em três formas. A primeira de ferro derretido (núcleo externo), a segunda por ferro em forma de vários cristais pequenos (zona de transição) e, bem no centro, em forma de um enorme cristal de ferro, (o núcleo interno).
ENQUANTO A TERRA SURGIA, A VIDA CAMINHAVA JUNTO
Neste período de formação da terra, a vida surgia junto. Mais especificamente, depois que a terra esfriou e 1 bilhão de anos de chuva deu origem ao oceano, as primeiras vidas começaram a surgir. Há 3,5 bilhões de anos atrás, surgiram as primeiras plantas, bactérias, algas e micro-organismos. Embora muito primários, muitos destes organismos ainda hoje existem, principalmente as bactérias, que, embora tenham evoluído, continuam tendo seu mesmo papel na biodiversidade. Em um lento processo de evolução, estes organismos deram origem aos seres invertebrados, como medusas e estrelas do mar. E enquanto estes organismos invertebrados surgiam, também havia uma evolução nas algas, se diferenciando através de cores e biotipos que distinguiram dois ramos da evolução: a fauna e a flora. Mas nessa época, como a terra ainda era ocupada por gases altamente tóxicos, todas as vidas estavam dentro da água, sendo impossível o desenvolvimento das vidas, mesmo as mais primitivas, foram deste bioma. Enquanto a terra se livrava dos gases, exatamente no mesmo período em que a Pangeia surgia, em suas extremidades, plantas também conseguiam se adaptar ao ambiente externo à água, passando a, pouco a pouco, ocupar a terra. Esta evolução foi importante, pois organismos que se alimentavam de plantas passaram a procurar fora da água novas fontes de alimento, possibilitando a evolução da fauna.

A EVOLUÇÃO DA TERRA ATÉ O SURGIMENTO DO HOMEM
Depois que as plantas desbravaram o mundo exterior, peixes evoluíram ao ponto de viver fora da água, embora ainda precisassem ter contato com ambientes aquáticos. Estes eram os anfíbios. Eles foram extremamente importantes para a vida na terra pois deram origem aos primeiros seres que dominaram a terra: os répteis, seres de vários tamanhos, que com o tempo se tornaram gigantes e agressivos, dominando o reino animal. Este é o período dos dinossauros. Durante o período de domínio jurássico, surgiram os mamíferos. Eles evoluíram até o ponto de ocupar áreas mais afastadas, fugindo dos dinossauros. Além dos mamíferos, as aves também nasceram neste contexto, em um habitat muito semelhante ao que conhecemos hoje. A evolução continuou até que, há 4 milhões de anos, os mamíferos deram origem aos primeiros seres humanos. 

Em forma de retrospectiva, segue os principais eventos que marcaram a formação do planeta e de seus habitantes, os seres vivos.
Ao longo de sua formação o planeta já possuiu diferentes características em consistência e principalmente em temperatura, houve períodos com temperaturas extremamente elevadas, e supostamente o planeta passou por processo de glaciação.
  • 1º evento: Formação da Terra há aproximadamente 4,5 bilhões de anos, nesse período o planeta era extremamente quente equivalente a uma imensa bola de fogo, não abrigando nem uma forma de vida.
  • 2º evento: Passados milhões de anos após a formação do planeta, a Terra entrou em um processo de resfriamento gradativo, essa alteração originou uma estreita camada de rocha em toda a Terra.
  • 3º evento: Com as mudanças ocorridas na temperatura do planeta, que foi se resfriando, foi expelida do interior da Terra uma imensa quantidade de gases e vapor de água. Esse processo fez com que os gases formassem a atmosfera e o vapor de água favoreceu o surgimento das primeiras precipitações, um longo tempo de chuva ocasionou a formação dos oceanos primitivos, que possuíam cerca de 20 cm de profundidade.
  • 4º evento: A formação dos oceanos foi fundamental para o surgimento da vida no planeta, pois a origem da vida veio dos seres aquáticos. Dessa forma surgiram primeiramente no plantae as bactérias e algas, além de microrganismos, isso há cerca de 3 bilhões e 500 milhões de anos.
  • 5º evento: Essas primeiras formas de vida foram importantes para o surgimento de outros seres. Surgiram então, oriundos dos microrganismos, os invertebrados dentre eles medusas, trilobitas, caracóis e estrela-do-mar, além disso, desenvolveram plantas tais como as algas verdes, todos os seres vivos desse momento habitavam ambientes marinhos.
  • 6º evento: Pouco tempo depois algumas espécies de plantas marinhas desenvolveram a capacidade de se adaptar fora do ambiente aquático migrando para áreas continentais, dando origem às primeiras plantas terrestres.
  • 7º evento: Os animais terrestres tiveram sua origem a partir do momento que algumas espécies de peixes saíram da água dando origem aos anfíbios e posteriormente aos répteis. Houve um tempo no qual o planeta Terra ficou povoado por grandes répteis denominados de dinossauros, esse ficou caracterizado como o Período Jurássico. O período permiano deu origem às plantas com flores e os mamíferos. Os grandes répteis foram extintos há 70 milhões de anos.
  • 8º evento: Há aproximadamente 65 milhões de anos teve início a formação das grandes cadeias de montanhas como o Himalaia e os Alpes. Os animais como os mamíferos e as aves proliferaram por todo o planeta, a atmosfera já possuía as mesmas características atuais.
  • 9º evento: Há aproximadamente 4 milhões de anos surgiram os ancestrais dos seres humanos, o planeta a partir de então entrou em períodos de muito frio ocasionados pelo crescimento das geleiras, no entanto, há 11 mil anos as geleiras se fixaram nas zonas polares.


COMO NASCEU NOSSO PLANETA - Documentário  do canal  History


PARTE 1 – 10’09’’
PARTE 2 – 10’07’’
PARTE 3 – 8’32’’
PARTE 4 – 10’08
PARTE 5 – 5’32’’




Referência
http://www.coladaweb.com/geografia/origem-e-formacao-da-terra
https://www.resumoescolar.com.br/geografia/resumo-da-formacao-da-terra/
http://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/geografia-fisica.htm
www.pensamentoverde.com.br/.../como-foi-o-processo-de-formacao-planeta-terra/
http://planeta-terra.info/historia-da-terra.html
Postar um comentário