Pesquisar no blog

sábado, 9 de maio de 2015

CONHEÇA A FANTÁSTICA PALMEIRA QUE ANDA




QUE TAL UMA ÁRVORE QUE PODE ANDAR? APOSTO QUE VOCÊ NÃO SABIA DESSA!
Esta árvore não pertence a raça humanoide das Ent's, e muito menos está na Terra Média, da trilogia Senhor dos Anéis.






Ela Não Anda.....
Ela Desfila...

Desde que nascemos e durante toda nossa vida aprendemos e vimos que as árvores são sésseis, ou seja, ela não caminham, não mudam de lugar. Mas, se eu te dissesse que existe uma árvore que anda? Sim, existe!
Na verdade é uma palmeira, pertencente à família Arecaceae. O nome científico de dela é Socratea exorrhiza ou “palmeira andante” e pode ser encontrada por toda América Central até a Bacia do Amazonas e Mato Grosso. Mas que poder sobre natural essa palmeira tem, que a permite “andar” por aí? Bem, a Socratea exorrhiza é natural de locais alagados e por isso possui estranhas raízes aéreas que permitem sua sustentação. Quando ela percebe fisiologicamente que o local onde está vivendo não é adequado, como sob a sombra de uma árvore, por exemplo, ela começa a direcionar as novas raízes para o lado e as antigas raízes apodrecem. Como as novas raízes estão todas em uma nova direção, todo o “corpo” da palmeira é movido para ser sustentado onde as novas raízes se fixaram. 
Durante toda a sua vida, ela pode mover até 2 metros de distância. Sensacional em comparação com as outras árvores que nunca saem do lugar! Os especialistas dizem que este fenômeno pode ter vindo junto com a adaptação da espécie aos ambientes alagados. Mas poder se deslocar é uma vantagem evolutiva que possui diversas funções alternativas como por exemplo  sair do ponto de germinação de outra árvore e não precisar concorrer com os nutrientes do local ou ainda, a possibilidade de colonizar certas áreas. Isso porque, ela escolhe onde quer estar, dependendo das possibilidades no ambiente. Aliás, suas raízes dão maior equilíbrio para que ela cresça mais alto e mais rapidamente do que se ela não as possuísse. É espantosa também, a ideia de que a palmeira andante pode crescer o bastante para alcançar luz sem ter de aumentar o diâmetro do tronco, e suas raízes atingem 2m. Pode também investir menos em biomassa nas raízes subterrâneas, o que significa deixar mais energia para ser usada no crescimento acima do solo.
Esta palmeira é conhecida também por outros nomes populares, como castiçal, baxiúba, zancona e bombom.  É mais comum na Amazônia e no Mato Grosso, mas curiosamente cresce em vários habitats. O mais comum deles é a floresta tropical úmida. Tanto que uma de suas características peculiares são as raízes, que se adaptam tanto em áreas inundadas como em terra firme. Por conta da resistência de sua madeira, ela é usada como ripa em construções rústicas e também na confecção de caravelas e bengalas. É ainda bastante ornamental e seus frutos muito apreciados pelas aves em geral.

Referências

http://redeglobo.globo.com/ http://pt.wikipedia.org/ http://diariodebiologia.com/
Postar um comentário