Pesquisar no blog

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

ORIGEM DO PLANETA TERRA


Estima-se que o planeta Terra surgiu há aproximadamente 4,6 bilhões de anos e que, durante muito tempo, permaneceu como um ambiente inóspito. Existem duas teorias para explicar a formação do planeta Terra. A conhecida discordância entre a teoria criacionista e a evolutiva ainda rende discussão em todo mundo.



A criacionista
crê que um ser superior responsável pela origem da vida. Para eles Deus fez todo o planeta, assim como as plantas e os corpos celestes. Assim, a Terra, segundo o criacionismo, teria entre 6 a 10 mil anos, tendo sido criado num período de 6 dias, segundo livro de Gênesis, no capítulo 1 da Bíblia. Quanto às formações biológicas da Terra, acredita-se que tenha sido causada pelo dilúvio ocorrido nela, o qual teria destruído tudo, menos Noé, sua família e os animais que estavam dentro da arca.

A Evolutiva
Outra versão para a formação da Terra parte de uma possível explosão, muito potente, há 13 bilhões de anos, apelidada de Big Bang. Essa explosão teria dado origem à matéria de todo o universo. A Terra teria sido formada a, aproximadamente, 4,6 bilhões de anos, resultante de uma poeira e gás espaciais que sobraram da formação do Sol. Tendo seu início em estado de fusão, o tempo, e outros fatores, fizeram com que uma parte ficasse seca, separando essa porção da água. Essa porção seca da terra estava agrupada numa espécie de supercontinente, que mais tarde foi chamado de “Rodínia”. Depois, com separações e reagrupamentos de terra, foram formados outros “supercontinentes” chamados de Panótia e depois a Pangéia.  A partir da solidificação da Terra em torno da águas e da formação dos “supercontinentes”, foram divididas eras para organizar os períodos de grandes mudanças na terra. São as chamadas Eras Geológicas, divididas em era Arqueozoica, Proterozoica, Paleozoica, Mesozoica, Cenozoica.




Postar um comentário